Feira de estágio UFRJ

Oi gente!

Está rolando a feira de estágio na UFRJ e eu vim contar um pouco pra vocês 😉

Recebidos após um passeio pela feira, rs. A Ambev também me deu uma Pepsi, mas essa não durou até chegar em casa, haha.

O que mais gostei foi do brinde da Globo.com. Super útil. Meu notebook está limpinho! rs

Abaixo alguma das empresas que estão presentes lá na feira 😉
Technip e Vallourec.

Marinha do Brasil.

Cosan.

L’Oréal.

Vou ser bem sincera com vocês: não achei a feira válida. Os representantes das empresas não estão atendendo direito e mandam você entrar no site para obter informações e se inscrever nos processos seletivos. Eu achava que lá eles falariam mais sobre as vagas, preencheriam fichas e tudo mais. Ano passado foi assim, esse ano não. Não sei se foi porque era o primeiro dia e estavam com preguiça, mas não gostei. Até pra pegar os flyers eu tive que pedir. Pedi até brinde, porque sou dessas! haha
Mas as palestras eu super recomendo, são sempre maravilhosas. A da Globo.com foi incrível! As de amanhã também serão, tenho certeza. Queria muito assistir mas não poderei \;
E aí, o que vocês acharam? Alguém foi na feira? Pretendem ou pretendiam ir? rs Me contem aqui pelos comentários.
Beijinhos ;*
Feira de estágio UFRJ

Publicidade e Propaganda

Oi gente!
Chegou o tão esperado dia. O dia do último post do especial “Ajudando você a decidir seu futuro”. Tinha que ser sobre uma graduação especial, tinha que ser com uma pessoa especial também. E a escolha foi feita: Publicidade e Propaganda sendo comentada pela Fernanda Holanda.
Pra quem não sabe, eu sou técnica formada em Publicidade. Fiz o técnico durante meu Ensino Médio. E posso falar? Foi a melhor época da minha vida. Como eu era feliz fazendo aquilo! Lembro que no meu último ano a turma foi separada por agências e cada integrante tinha sua função. Eu era Mídia da minha agência (a Action) mas queria ser tudo ao mesmo tempo. Eu sabia sobre a função de cada um, ajudava em tudo sabe? Era a empolgação que falava mais alto, era a felicidade, o prazer. E agora vocês devem estar se perguntando o por que de eu não estar me graduando na área, e eu do fundo do meu coração respondo pra vocês: Não sei. 
Quando fiz o ENEM e logo depois participei do processo do SISU, não tinha conhecimento sobre nada. Olhei as notas e achei que não passaria para Publicidade, me inscrevi em Letras por amar Português e Espanhol. Passei e uma semana depois descobri que passaria para Publicidade também, na 2ª chamada. Só que eu estava tão deslumbrada por estar estudando na UFRJ, naquela Cidade Universitária gigantesca, maravilhosa, que eu deixei de lado. Os meses foram passando e eu fui cursando. Não consegui largar. Mas meu coração sempre esteve na área de Comunicação Social. Vocês podem ter certeza que no dia que eu terminar a graduação em Letras irei no mesmo momento me matricular em uma Universidade de Publicidade, ou para fazer a graduação ou para fazer uma pós-graduação. Ainda irei decidir.
Deu pra perceber um pouco da minha relação com a área? Deu pra ver por que eu deixei por último? rs.
Escolher alguém para falar sobre meu curso preferido também não foi fácil. Quando eu anunciei no meu Facebook particular que iria fazer esse especial aqui no blog, muitos me procuraram. Mas eu não fiquei satisfeita, sabe? Conheço muitas pessoas que cursam Publicidade e Propaganda mas não fiquei com vontade de convidar ninguém. Até que um nome me veio em mente: Fernanda, a Fefa. 
Nos conhecemos em 2009 através de uns amigos em comum. E quando estávamos começando a nos aproximar mais, eu mudei de cidade. Mas nunca deixamos de ter contato, sabe? Por mais que seja só via Internet, uma sempre soube por onde a outra andava. Sempre curtindo as fotos, rs. E de lá pra cá eu sempre estive torcendo pelo seu sucesso, principalmente depois que soube da área que ela havia escolhido.
Se vocês acompanham o blog é porque gostam de mim, né? rs. Então tenho certeza que vão adorar a Fernanda também. Vão se identificar com ela. Somos super parecidas!
E aí, vamos lá?

Fernanda Holanda (vulgo Fefa) tem 21 anos (está completando hoje! que coincidência, né? rs) e está cursando o 5º período de Publicidade e Propaganda (com muito amor, ela deixa claro). Ex aluna da Faculdade CCAA e futura aluna da Facha.
Fernanda diz que é engraçado lembrar de como foi a escolha pelo curso de Publicidade e Propaganda. Ela conta que na verdade sempre quis ser um pouco de tudo, nunca teve um sonho de infância definido. Mas sempre se achou comunicativa (odiava números) e um dia estava folheando uma revista Capricho e tinha uma matéria de como era uma rotina (se é que tem uma) de um profissional de Publicidade. E foi olhando para aquela folha que decidiu seu futuro.
Fernanda conta: “O meu sonho era passar para uma Universidade pública, mas digamos que não tenho o excelentíssimo dom com exatas e meu ENEM foi pro beleléu, porém o que mais me prejudicou, sem dúvidas, foi o Ensino Médio Normal (formação de professores) onde eu não tinha nenhuma matéria necessária (nada mesmo) para se passar em algo tão concorrido com gente dignamente preparada. Aí optei pela Faculdade CCAA na época, pois tinha a melhor estrutura que eu já vi na vida, preço bom e ótima qualificação. Porém após dois anos lá a administração optou pelo fechamento, e deram algumas “desculpas” ao meu ver esfarrapadas, porque era uma ótima faculdade pra Comunicação, com ótimos professores, e eles não investiram nada com divulgação. E com o fim eles fizeram um acordo de transferência para a FACHA, onde vamos pagar o mesmo preço e voltar pro mesmo período, mas até agora estou esperando tudo ser resolvido e ver como vai ficar.”
Para ingressar na Faculdade CCAA, ela fez o Vestibular da própria instituição.
Quando começaram as aulas sua impressão mudou muito sobre o curso. E pra melhor. Fefa afirma que estudar Comunicação Social, ainda mais com a habilitação em Publicidade, é descobrir todo dia algo novo e se descobrir uma pessoa nova.
Quem faz Comunicação tem aulas bastantes mescladas, porém a partir do 4º/5º período ficam bem mais interessantes, porque o foco vai diretamente para a área desejada e tem bastante aula prática também.
Ah, e Fernanda conta que os professores foram maravilhosos, sem comparação.
Em Publicidade tem que fazer estágio obrigatório sim. Há cargas horárias a cumprir. Mas Fernanda conta que você aprende tanto que se torna maravilhoso. Ela fez um estágio de 6 meses na MK Music, que é uma gravadora evangélica conceituadíssima, e o que aprendeu lá foi engrandecedor. Depois que passar o Carnaval ela já vai procurar outro estágio.
Fernanda finaliza a entrevista deixando o seguinte recado: “O mercado de trabalho é bem difícil, porém não é impossível. Tem gente que passa perrengue, no meu caso eu consegui estágio fácil e agradeço a Deus por isso. Porém percebo que a cada dia os profissionais são iguais na área de Comunicação. Por esse motivo você tem que SER a diferença. Não tem jeito. Tem que se especializar com cursinhos, ter alguma idioma fluente (importante), fazer contatos e principalmente acreditar em você mesmo! Brilhe pro mundo e faça ele brilhar com suas ideias. Beijinhos da Fefa!”.
E aí, o que vocês acharam? A área de Comunicação Social é realmente apaixonante, né? Eu amo muito! Vocês já tinham pensado em cursar Publicidade e Propaganda? Me contem aqui pelos comentários. 
E ah, quero agradecer imensamente a Fefa por todo carinho e atenção que ela teve ao dividir sua experiência com a gente. Tenho certeza do quanto ela será bem sucedida. Estou aqui na torcida! E claro, quero lhe desejar toda felicidade do mundo. Afinal, hoje é seu aniversário! rs Parabéns, Fefa! Muita saúde e muitas bençãos pra você. Que Deus esteja sempre em seu caminho e que você continue sempre sendo essa menina tão especial que é. Felicidades!
Beijinhos ;*
Publicidade e Propaganda

Medicina

Oi gente!
Penúltimo post do especial “Ajudando você a decidir seu futuro” e não poderíamos deixar de falar sobre o curso mais disputado em nosso país. Medicina.
Não há outra profissão que eu admire mais. É lindo de se ver! Eu precisava convidar alguém super especial para falar sobre essa graduação. E só um nome me veio a cabeça: Isabela Maria. Não poderia ter pessoa melhor para quase encerrar esse nosso especial. Vamos conferir?
Isabela Maria tem 21 anos e está cursando o 4º período de Medicina na Universidade Unigranrio.
Quanto à escolha do curso Isabela conta: “Foi através de um sonho que Deus me deu, pra eu poder anunciar Jesus para as pessoas e ao mesmo tempo ajudá-las nas suas necessidades de saúde. Foi uma missão muito especial de Deus para mim”.
Isabela conta que escolheu a Unigranrio por ter conseguido passar no Vestibular e por saber que teria apoio financeiro do governo para realizar seus estudos. 
Depois de fazer a prova do Vestibular da própria instituição, ela se matriculou e em seguida se inscreveu no FIES.
Quando começaram as aulas ela conta que sua impressão mudou sobre o curso, pois a Medicina se torna muito mais palpável quando você tem um estudo direcionado, contato constante com médicos e com pacientes. Cada vez é mais apaixonante!
As aulas são muito boas, porém o horário é bem cansativo. O curso é em período integral, mas a adaptação não é tão difícil. Ainda mais quando se faz o que gosta.
Isabela conta que o tempo de estudo fora da sala de aula é bem maior e quanto mais informações extras conseguir adquirir, melhor sua formação. As aulas dão uma base ótima, mas é sempre importante ir além. 
Os professores são ótimos, bem preparados. O contato com eles e com as experiências que têm são muito relevantes para toda a turma.
Isabela ainda não fez estágio mas conta que na Medicina a prática é bem mais evidenciada. Eles não chamam de estágio obrigatório, mas tem desde o terceiro período disciplinas que envolvem a prática com pacientes, ora em ambulatórios, ora em hospitais.
Ela finaliza a entrevista afirmando: “Oportunidades no mercado de trabalho não faltam para médicos. Normalmente, assim que se formam, já têm emprego certo. Em muitos casos até mais de um emprego. Mesmo em cidade grande as ofertas de trabalho são sempre disponíveis. Mas a necessidade maior é em cidades menores e mais afastadas dos grandes centros.”
Sabe aquela pessoa boa? Mas boa de verdade? Essa é a Isabela. Não conheço outra pessoa tão meiga e carinhosa quanto ela. É um presente de Deus! Não consigo vê-la em outra profissão. Não tenho dúvida alguma do quanto ela será bem sucedida como médica, em quantos vidas ela salvará.
Belinha, parabéns pela escolha. Deus está contigo e você sabe disso! Que Ele te abençoe sempre! Muito sucesso!
E vocês, já pensaram em cursar Medicina? Me contem pelos comentários.
Beijinhos ;*
Medicina

Engenharia de Produção

Oi gente!

Posso estar enganada mas acho que o curso de Engenharia é o que mais vem crescendo nos últimos anos, não acham? 
Até pouco tempo atrás eu não via ninguém falando sobre e agora todos querem. Há vaga de estágio e emprego em quase todas as empresas. Há até concurso público! Alguém dúvida do quanto é promissor ser um engenheiro(a) nos dias atuais?
Para falar sobre essa área eu convidei um dos meus melhores amigos. Apresento-lhes o Matheus. O cara mais sem noção que eu conheço, o mais divertido. Achei que ele não levaria a entrevista a sério, mas não é que levou? Quando o assunto é Engenharia ele se transforma, haha. Vamos conferir?

Matheus dos Santos tem 21 anos e está no 4º período de Engenharia de Produção na Universidade Unigranrio.
Ele conta que escolheu este curso porque sempre gostou de cálculos e não conseguia se ver em outra área. E a escolha pela Produção é porque sempre teve o sonho de participar dos projetos, de por a mão na massa. Ele diz que não consegue se ver em um escritório.
Escolheu cursar na Unigranrio por ser perto de sua casa. Assim ele consegue mais tempo para arranjar um estágio e ter uma “vida levemente social”, risos. Usou a nota do ENEM para ingressar e ainda conseguiu um bom desconto na mensalidade.
A impressão sobre o curso não mudou depois que começou a cursar. Matheus diz que é exatamente o que esperava, com muitos cálculos, é claro.
As aulas são super divertidas. Sempre tem trabalho em grupo e aulas pelo campus da instituição. Os professores são ótimos e ele não tem do que reclamar. Conta que muitos viraram até seus amigos.
É aconselhável que se faça estágio, porém não é obrigatório. Mas Matheus prefere ter como obrigatório e acredita que é ótimo fazer, principalmente para pegar experiência na área. Ele conta que vai começar a procurar esse ano.
Matheus finaliza a entrevista afirmando que a área de Engenharia da Produção é bastante ampla. E que hoje em dia é super difícil ficar sem emprego. É uma área que cresce a cada dia que passa.
Alguém duvida que realmente cresce a cada dia que passa? rs. Os engenheiros estão com tudo! E desejo que você seja super bem sucedido na área, Matheus. Que se dedique e colha todos os frutos, sei o quanto você merece. Muito sucesso!
E vocês, já pensaram em cursar Engenharia? Me contem pelos comentários.
Beijinhos ;*
Engenharia de Produção

Educação Física

Oi gente!
O que eu mais ouvia na minha época de escola era meus amigos falando que queriam cursar Educação Física. Tudo porque amavam jogar bola. Mas vocês acham que isso realmente é motivo? Eu acho que não. É preciso ir muito mais além. E para ajudar a conhecer mais sobre o curso, eu entrevistei o Bruno. Ele já acabou a graduação e falou um pouco mais sobre o curso e o mercado de trabalho. Vamos conferir?

Bruno Camargo tem 29 anos e é graduado em Educação Física (Licenciatura e Bacharelado) pela Unisuam.
Bruno conta que escolheu este curso pois era atleta da escola onde estudou e acabou tomando gosto pelo esporte. Quando chegou a hora de escolher uma graduação ele deu preferência para a Educação Física e durante o curso começou a gostar de lecionar.
A escolha da Universidade foi por dois fatos. Primeiro porque na época ele trabalhava de noite e dentre as opções que tinha, a Unisuam era a única que oferecia o curso pela manhã. E o segundo motivo foi pela Universidade ter se adequado bem ao seu orçamento na época. Ele ingressou através do Vestibular e ainda conseguiu uma bolsa de estudo.
Bruno diz que após começarem as aulas sua visão sobre o curso não necessariamente mudou, mas ampliou. Ele fez o Ensino Médio em recreação e por isso já tinha ideia do que encontraria na faculdade.
As aulas sempre foram excelentes e os professores super conceituados no mercado. Ele não tinha do que reclamar.
Quanto ao estágio ele teve que fazer sim. Fez estágio obrigatório em uma escola estadual na Licenciatura e na academia da própria instituição no Bacharelado.
Bruno finaliza a entrevista afirmando: “Vejo o mercado de trabalho em constante crescimento e mudança. A Educação Física é um mercado gigantesco e sua área de atuação é diversa. Mas temos um curso regularizado há pouco tempo, e por isso, o nosso conselho ainda é fraco. Falta mais fiscalização por diversas partes. Muitas faculdades jogam no mercado de trabalho profissionais recém formados com uma formação ruim.”
Vamos confessar que isso está acontecendo em todas as áreas, né gente? É preciso ter muito cuidado com os profissionais que contratamos e confiamos. Principalmente na Educação Física. Às vezes seu professor/personal está te passando uma série que você acha que dará ótimos resultados mas pode acabar te trazendo alguns problemas. Vamos ficar em alerta!
E quanto ao Bruno eu tenho total confiança em seu talento e competência. É super querido e requisitado. Muito sucesso pra você, Bruno! E que você tenha cada vez mais sucesso!

E vocês, já pensaram em cursar Educação Física? Me contem aqui pelos comentários.

Beijinhos ;*
Educação Física

Biologia

Oi gente!

Em cada entrevista nos surpreendemos com algo. Sempre tem alguma coisa que chame atenção. E eu fiquei super feliz em entrevistar a Roberta. Ela falou sobre algo que eu queria muito que alguém falasse: a importância de um professor na vida acadêmica de uma pessoa. Uns a desanimaram e fez com que quase desistisse. Mas aí surgiu uma outra Universidade, com uma metodologia diferente, e novos professores que fizeram reacender o seu interesse pela profissão de bióloga.
Hoje ela está no 8º período e com a certeza que fez a escolha certa. Vamos conferir?

Roberta Soares tem 22 anos e está no 8º período de Biologia no Centro Universitário Celso Lisboa.
Ela conta que escolheu este curso por sempre ter sido apaixonada por animais e pela natureza. Sempre teve curiosidade sobre as diversas áreas da Ciência.
Roberta iniciou a graduação na Universidade Gama Filho. Com o fechamento da Universidade ela fez transferência para a Celso Lisboa.
Tinha escolhido a Gama Filho anteriormente por ter um bom conceito entre as faculdades particulares. E a Celso Lisboa se tornou uma boa opção por ouvir outras pessoas falarem super bem, e também por ser localizar próxima ao seu trabalho.
Na UGF ela ingressou através do Vestibular e na Celso foi por transferência.
Quando começaram as aulas Roberta ficou super empolgada e cada vez mais apaixonada. Nos períodos posteriores o interesse diminuiu em função do desleixo, pelo menos aparente, dos professores que a fez desanimar por acreditar que o mercado de trabalho seria escasso pra biólogos, que não fosse dar aula ou viver de pesquisa, que é uma área mais complexa e mais restrita.
Com a transferência para a outra Universidade o interesse reacendeu em função da empolgação que transparecia pelos professores e as matérias diferentes da grade da UGF, que a fez enxergar que existe um campo muito vasto e possível para biólogos.
As aulas agora são empolgantes e os professores entusiasmados. Eles transmitem o interesse para os alunos.
Roberta fez estágio obrigatório no sétimo período e fará outro agora no oitavo.
Quanto ao mercado de trabalho ela diz ser muito extenso. Desde laboratórios de análises clínicas e análises ambientais como pesquisadores, gestores ambientais, auditores, monitores ambientais e saneamento. Enfim, uma extensa lista entre as áreas ambientais e de saúde.
Uma linda área pra seguir, né? Eu confesso que nunca pensei em cursar Biologia não. Sempre foi a minha pior matéria na época de escola, rs. Mas super admiro quem faz! E fiquei super contente em saber que o mercado de trabalho é tão extenso assim. 
Muito sucesso, Roberta! E obrigada por dividir um pouco da sua experiência com a gente.
E vocês já pensaram em cursar Biologia? Gostam da área? Me contem aqui pelos comentários.
Beijinhos ;*
Biologia

Matemática

Oi gente!

Tem coisas que ou você ama ou você odeia, não é verdade? E esse é o caso da Matemática, rs. O Jailson, sem dúvida alguma, ama! E por isso mesmo ele está cursando o 3º período da graduação nesse curso. Quer saber mais? Então vamos lá!

Jailson da Costa tem 21 anos e está no 3º período de Matemática na Universidade Estácio de Sá aqui do Rio de Janeiro.
Ele diz ter escolhido este curso porque sempre admirou seus professores desde a época da escola, pelo gosto de poder dar aula e o meio de comunicação com os adolescentes. E a escolha da Universidade foi pelo fato do curso de Matemática ser pouco encontrado, existe em poucas Universidades. Sendo assim, teve que escolher entre uma que fica a 15 minutos de sua casa e outra que fica a 3 horas. Nem precisamos dizer qual ele escolheu, né? rs.
Para ingressar na Universidade, Jailson fez o Vestibular próprio da instituição.
Depois que começaram as aulas Jailson diz que sua impressão mudou, pois o curso é muito dinâmico e bastante intenso. Só vai conseguir chegar ao final quem realmente nasceu pra isso.
As aulas ele acredita serem muito corridas devido aos horários. Porém os professores são excelentes, sabem 100% sobre o assunto que estão lecionando.
No curso de Matemática há estágio obrigatório sim. Precisam fazer por dois períodos.
E em relação ao mercado de trabalho Jailson diz ser tranquilo, pois há poucas pessoas se graduando e muitas escolas precisando. Jailson finaliza a entrevista afirmando: “O campo da Matemática é um bom mercado para quem quer se estabilizar.”
E aí, alguém afim de se graduar em Matemática pra poder se estabilizar? rs Já tinham pensado em cursar anteriormente? Me contem pelos comentários.
Eu confesso que nunca pensei em cursar não, não levo jeito. É aquele papo de sempre: “Sou de humanas, bjs” haha.
Mas quero muito agradecer ao Jailson pela entrevista, por falar um pouco mais sobre o curso. Sem dúvidas está ajudando muitas pessoas. Muito sucesso pra você!
Beijinhos ;*
Matemática